MOSCA

Esses insetos (Ordem Diptera) são muito comuns em áreas rurais e urbanas, e estão intimamente associados às atividades humanas. Algumas espécies adaptaram-se bem às condições criadas pelo homem, e por isso se tornaram pragas.

Biologia

Pode-se reconhecer moscas pela cabeça, nitidamente distinta e móvel, com dois grandes olhos facetados. Possuem apenas um par de asas membranosas correspondente às asas anteriores. Algumas possuem aparelho bucal do tipo picador, enquanto outras têm apenas capacidade para absorver líquidos, e sendo assim o alimento ingerido só pode ser liquido ou pastoso. Para isso a mosca lança uma saliva sobre o alimento para o dissolver e assim poder ingeri-lo. Normalmente alimentam-se de fezes, escarro, pus, produtos animais e vegetais em decomposição, açúcar, frutas entre outros. Apresentam metamorfose completa, isto é, apresentam as fases de ovo, larva, pupa e adulto. São muito ativas durante o dia e repousam à noite. Os locais visitados pelas moscas apresentam manchas escuras, produzidas pelo depósito de suas fezes, e manchas claras, provocadas pelo lançamento de saliva sobre o alimento, para que depois possa ser sugado.

Principais espécies

domesticaMusca domestica (mosca doméstica)

É a espécie mais importante, pois além de ser extremamente bem adaptada ao ambiente urbano, é bastante incômoda e pode transmitir mais de uma centena de organismos patogênicos (vírus, bactérias, protozoários, helmintos) para o homem e animais domésticos. As fêmeas colocam os ovos em qualquer matéria orgânica fermentável como lixo, fezes, etc, que localiza através de órgãos do olfato existentes nas antenas. Ela posiciona sua postura de tal forma que os ovos sejam colocados nos locais mais úmidos e sombreados. Os ovos são brancos e alongados, medindo cerca de menos de 1 mm, e são colocados em massas de 75 a 170 ovos de cada vez. Em 24 horas, as larvas de primeiro estágio eclodem, passando por dois outros estágios, que duram de cinco a oito dias cada mas, durante o inverno, o desenvolvimento larval pode prolongar-se por várias semanas. As larvas são de coloração clara e movimentam-se ativamente, medindo de 2 mm a 14 mm de comprimento. Alimentam-se de substâncias solubilizadas e principalmente de bactérias, o que melhora o desenvolvimento deste inseto. Os adultos alimentam-se constantemente, digerindo uma grande variedade de substâncias animais e vegetais, principalmente as açucaradas. Antes de ingerir o alimento, depositam uma gota de saliva sobre o mesmo para dissolvê-lo e em seguida o sugam. As moscas adultas vivem cerca de 30 dias, e são atraídas por diferentes odores chegando a voar cerca de 1.000m a 3.000m em 24 horas. Devido a sua alimentação, a mosca doméstica pode transmitir doenças como febre tifóide, diarréia, conjuntivite, lepra, tuberculose, cólera, varíola, poliomielite, entre outras, e a transmissão ocorre através de suas fezes ou por contato com os agentes patogênicos próximos ao corpo.

vinagreDrosophila melanogaster (mosca das frutas, mosca do vinagre)

Essas moscas apresentam coloração amarelada e são pequenas (cerca de 3 mm), com as asas geralmente claras e o abdome frequentemente com faixas ou manchas. A duração de seu desenvolvimento varia de acordo com a temperatura. Sua alimentação consiste principalmente em microrganismos como fungos e bactérias, presentes em alimentos em decomposição, de onde retiram os açúcares necessários para seu metabolismo e produção de ovos, as larvas atacam a polpa de frutos também.

cavaloTabanus bovinus (mutuca de cavalo)

As larvas da mutuca têm a forma de cones alongados, são carnívoras e alimentam-se de pequenos invertebrados de água doce. Têm dois ganchos na cabeça e o abdome almofadado, o que lhes permite rastejar em chão úmido ou sobre plantas aquáticas. O adulto tem a cabeça mais larga que o tórax, aparelho bucal tipo picador-sugador, as mandíbulas fortes afiadas e serrilhadas que se cruzam como as lâminas de uma tesoura. Suga o sangue de sua vítima, e usa um anticoagulante para que o sangue não coagule. Dolorosa e prejudicial, a picada da mutuca transmite moléstias como a doença do sono ao ser humano.

azulCalliphora vomitória (varejeira azul)

Medindo aproximadamente 11mm, este inseto de hábitos esquisitos voa muito rápido e pousa em qualquer lugar, inclusive no teto de cabeça para baixo. Pode ser encontrado em lixões, abatedouros, feiras livres, casas ou próximo a elas, de preferência na cozinha, em geral onde há carnes expostas. Possui olfato tão apurado que percebe a presença de alimentos à distância. Adoram carne, principalmente carne podre, mas assim como outras espécies não ingerem nada sólido, por isso antes de comer expelem pela boca um suco digestivo que torna o alimento mole e fácil de ser sugado. Pousam em alimentos descobertos, e depositam ovos em tecidos vivos ou mortos ou matéria em decomposição. O adulto apresenta coloração azul metálica e cabeça amarelada. A larva penetra na pele em alguma ferida existente, é incapaz de penetrar na pele sã, causando no homem e em animais as míiases (bicheiras).

banheiroPsychoda sp. (mosca de banheiro)

Essas moscas pequenas (1,5mm a 5mm) e de coloração acinzentada não costumam voar muito longe do local infestado, que geralmente é um ralo. As infestações mais freqüentes ocorrem nas tubulações dos encanamentos, em especial os que têm muito material orgânico, como banheiros. Geralmente são encontradas próximo ao ralo do chuveiro. Os estágios imaturos vivem na matéria orgânica acumulada no encanamento. As larvas se alimentam deste material, e estão geralmente “enterradas” nele.

Danos à saúde

As moscas são transmissores de doenças ao ser humano, pois servem de servem de hospedeiros para agentes patogênicos. Após terem pousado sobre fezes, feridas e animais mortos, elas podem pousar sobre o alimento humano e contaminá-lo, depositando sobre este as bactérias contidas na sua saliva, patas e cerdas do seu corpo. Além disso, algumas larvas se alimentam de tecido vivo, o que pode aumentar e infeccionar feridas.

Bibliografia

www.biota.org.br

www.fiocruz/biosseguranca/Bis/Infantil/topo.htm